Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Portugal Events: candidaturas em breve

No contexto dos novos programas de apoio às empresas, foi aprovado ontem o Programa de Apoio à Organização de Eventos de Interesse Turístico, denominado Portugal Events, que se enquadra nas medidas de retoma da atividade turística.

Com uma dotação de 5 milhões de euros para apoios a fundo perdido, estes apoio destina-se a empresas, associações ou organizações não-governamentais, assim como secretarias regionais de turismo das regiões autónomas e entidades regionais de turismo.

Para serem elegíveis, devem tomar a forma de 3 tipologias de eventos:

  1. Grandes eventos de dimensão internacional, que se realizem em Portugal, de natureza desportiva, artística, cultural, científica ou outra, que se mostrem relevantes para a atração de turistas estrangeiros e para a promoção internacional de Portugal enquanto destino turístico, bem como que se revelem inovadores e precursores de tendências – incentivo de 50% das despesas elegíveis, até o limite de um milhão de euros.
  2. Eventos de dimensão relevante, de natureza artística, desportiva, cultural, animação ou negócios, que cumpram uma das seguintes características:
    • contribuam para a projeção da imagem de destino turístico da região onde se realizam, para o aumento da notoriedade dessa região no mercado interno (alargado) e para a melhoria da experiência turística para os turistas nacionais e internacionais não residentes na região;
    • no caso de se realizarem fora de Portugal, que reforcem a imagem de Portugal como um país inovador, precursor de tendências e autêntico – incentivo de 50% das despesas elegíveis, até o limite de 250 mil euros.
    1. Eventos associativos ou corporativos não consolidados no calendário dos territórios onde se realizam – incentivo fixo, calculado pelo número de dormidas, que pode ir até 50 mil euros.

Nas despesas elegíveis incluem-se o aluguer de espaços e equipamentos, alojamento e refeições, transporte aéreo e transfers, material de divulgação e comunicação, serviços de organização e gestão de eventos, entre outras despesas que demonstrem ser imprescindíveis à organização do evento.

Para acederem a este incentivo, os beneficiários não podem ter dívidas perante o Estado, Segurança Social ou Turismo de Portugal e devem ainda demonstrar ter asseguradas as condições materiais e financeiras necessárias à organização do evento.

Como a Moneris pode ajudar?

A equipa de Corporate Finance da Moneris está empenhada em ajudar os seus clientes a retomar a sua atividade com os apoios e incentivos disponíveis e enquadráveis às suas necessidades.

No contexto do Turismo, contamos ainda com os especialistas do nosso Centro de Competências do Turismo, que compreendem os desafios e as oportunidades de um dos setores mais afetados pela pandemia.

Para este tipo de incentivos, a preparação antecipada da candidatura e elementos necessários é essencial, pois trata-se muitas vezes de fundos limitados e disponibilizados por ordem de entrada das candidaturas.

Contacte-nos para mais informações para o email incentivos@moneris.pt.
Fazemos o enquadramento do seu projeto sem compromisso.

Scroll to Top